top of page

Pedestres sofrem violência para chegar na UPH Leste



Fernando Dini recebe queixas de assaltos e ameaças a famílias inteiras


Parte da população que busca auxílio médico na Unidade Pré-Hospitalar da Zona Leste sofre violência no caminho para a unidade hospitalar. Pedestres são ameaçados e têm pertences roubados sob o viaduto da rodovia Raposo Tavares, na avenida Nogueira Padilha, durante o período noturno. O vereador Fernando Dini (Progressistas) denunciou a situação durante sessão da Câmara, nesta terça-feira (23). Pediu que a Prefeitura faça esforços com a concessionária da rodovia para instalar iluminação pública no local.


Fernando Dini afirmou que, com o aumento dos casos de dengue e doenças respiratórias nesta época do ano, os trabalhadores e familiares que não têm carro e não conseguem buscar atendimento médico durante o dia são obrigados a transitar sob o viaduto completamente escuro. Lá sofrem ameaça e têm pertences retirados por usuários de entorpecentes e bandidos.


O vereador explica que o caminho é usado por moradores dos bairros Sabiá, Zacarias, Jardim Romão e Gualberto Moreira, o Bairro dos Morros. O local completamente escuro permite que os bandidos surpreendam as suas vítimas e agem sem que possam ser reconhecidos. Os relatos foram levados ao vereador durante os atendimentos que faz ao público na Vila Hortência, às segundas-feiras à noite e quartas-feiras de manhã. 

31 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page