top of page

Reivindicadas ações para resolver congestionamentos na região da João W. Wey


Fernando Dini e comissão de moradores da região da rua João Wagner Way entregam propostas para recuperar fluidez do trânsito em toda região


Os frequentes congestionamentos no trânsito da rua João Wagner Wey e nas ruas dos bairros no entorno, na Zona Sul, uniram famílias da região para reivindicar soluções à Prefeitura. Os moradores escolheram o vereador Fernando Dini (Progressistas) para representar a causa e elaboraram propostas para melhorias. As recomendações dos moradores foram entregues em mãos ao prefeito Rodrigo Manga, em reunião no gabinete do prefeito com o vereador e uma Comissão das famílias dos bairros, na tarde desta terça-feira (28). “Mais de 20 minutos para percorrer alguns quarteirões. O prefeito sabe que precisa resolver a situação que foi criada no trânsito da região”, enfatiza o vereador Fernando Dini. O prefeito Rodrigo Manga nomeou o secretário de Mobilidade, Carlos Eduardo Paschoini, para liderar as avaliações das providências reivindicadas.


Uma Comissão representando um grupo de mais de duzentos moradores, comerciantes e empresários que clamam por soluções acompanhou o vereador Fernando Dini na reunião com o prefeito. Na ocasião a Comissão entregou as propostas por escrito e anunciou que um abaixo-assinado que já tem mais de 500 adesões continua circulando nos bairros presencialmente. No abaixo-assinado, moradores pedem ao vereador Fernando Dini que intervenha por ações para acabar com os congestionamentos. O vereador esclareceu que trabalha por melhorias no trânsito e discute o zoneamento da cidade pelas discussões para a revisão do Plano Diretor.


Nas propostas para melhorar o fluxo do trânsito, são apresentadas medidas a serem adotadas imediatamente, a médio prazo e a longo prazo. As soluções imediatas tratam de instalações de semáforos, adequações de sinalização e alterações nas proibições para estacionamentos e paradas de veículos. Quanto às medidas a médio e longo prazo, são pedidas interligação de ruas pelo interior de bairros na região, a fim de se criar percursos alternativos à rua João Wagner Wey, além da futura construção de novo viaduto sobre a rodovia Raposo Tavares.


Quanto à ocupação do solo nos bairros da região, a comissão de moradores reivindica que na atual área de Zona Residencial 2, que abrange todas as ruas do Jardim São Carlos e no corredor de comércio e serviços a qual está inserida toda a extensão da rua João Wagner Wey, assim como a rua Elias Rodrigues Claro, haja restrições para eventuais construções. A intenção é limitar que tanto os imóveis multifamiliares ou outros tenham no máximo três andares. Também pedem cassação de alvará de construção já concedido.


Os pedidos relacionados ao trânsito serão estudados pela Secretaria da Mobilidade e pela Urbes, enquanto as questões de ocupação do solo serão avaliadas pela Secretaria de Planejamento e discutidas nos trabalhos que já ocorrem na Câmara Municipal para a revisão do Plano Diretor de Sorocaba. As providências para solucionar os transbordamentos de esgoto serão avaliadas pelo Saae.


Além do vereador Fernando Dini, participaram os seguintes membros da Comissão que representa os moradores: Daniela Amaral dos Reis, José dos Reis, Luis Fernando Guariglia, Nicoli Chedid, Sérgio Reze e Spencer Augusto Soares Leite. Já os agentes políticos que estiveram na reunião, além do já citado secretário de Mobilidade foram o secretário de Relações Institucionais e Metropolitanas, Luiz Henrique Galvão; o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, Glauco Fogaça e o diretor-geral do Saae, Alfeu Malavazzi Netto.








20 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page